IDIOMAS

Raízes de ManusKritur: a língua eʋe

Raízes de ManusKritur: a língua eʋe

O idioma com o qual tudo começou O eʋe é pode parecer um intruso nos idiomas de ManusKritur, mas é o idioma com o qual tudo começou, as ficções também. De fato é o idioma que dá sentido à ideia e ao projeto de Manuskritur em sua globalidade. O eʋe se situa na raiz da...

ler mais
« La connaissance est comme le ventre d’un baobab »

« La connaissance est comme le ventre d’un baobab »

Nous présentons aujourd’hui une traduction de la préface de Adetotro, « journal de poèmes » en langue eʋé de l’écrivain togolais ALI-TAGBA Tétérého. Adetotro est un livre dont le petit volume est inversement proportionnel à la densité du contenu et au défi...

ler mais
Superar a estagnação no aprendizado de um idioma

Superar a estagnação no aprendizado de um idioma

A parte mais interessante deste método são os ingredientes. A receita em si não tem fundamentalmente nada de novo, pois leva em conta as quatro tipologias de atividades envolvidas no aprendizado de um idioma: ouvir (compreensão oral), ler (compreensão escrita), falar...

ler mais
“Não volte de língua vazia”

“Não volte de língua vazia”

Depois do desembarque, já no posto de controle dos passaportes e de obtenção dos vistos era como se o ouvido dele tivesse voltado a infância, espaço no tempo sem interferências. Quase todo o mundo estava se expressando, se comunicando, falando, discursando no idioma...

ler mais
A tradução é uma operação solitária e ponto

A tradução é uma operação solitária e ponto

A tradução é uma operação solitária e ponto. É mesmo? Recentemente tentamos entender uma ideia muito difundida sobre o ato de traduzir e, mais no geral, sobre a tradução. A tradução é uma operação solitária. Esta é a ideia. Se tornou uma característica comumente...

ler mais

News & Updates

Join my Newsletter